ico-calendar-svg-cesar slogan-pra-voce-viver-melhor

Agência Virtual

2ª Via de Boleto
Quero conhecer as vantagens da Agência 24 horas

Vendas

As diversas NOVAS possibilidades de financiamento imobiliário

18/10/2017 por Redação Guarida

Quando a Caixa Econômica Federal reduziu seus limites de financiamento para imóveis novos e usados, muitos que pensavam em comprar sua casa nova ficaram assustados. Mas existem muitas outras regras - e outros bancos! - que oferecem condições de financiamento ótimas para quem está procurando por um imóvel para chamar de seu.

Neste ano, a CEF baixou seus limites de financiamento para imóveis novos de 90% para 80%, e para imóveis usados eles foram de 70% para 50%. Mas diversos outros bancos ainda financiam até 90% da sua casa ou seu apartamento! É possível encontrar boas taxas e ainda utilizar o Fundo de Garantia (FGTS) como entrada. Portanto, não é preciso desistir de ter sua casa própria depois dessa notícia.

Nesse post, nós, da Guarida, trazemos algumas regras atuais para mostrar a você as diversas NOVAS possibilidades do financiamento imobiliário. Confira!

Documentos e restrições    

Geralmente, são exigidos documento de identidade, carteira de trabalho e comprovante de renda de três meses, mas a documentação pedida pode variar de acordo com o banco ou com a prestadora do financiamento. As duas maiores restrições são ligada à idade e à comprovação de renda. Para financiar um imóvel, a pessoa deve ter no mínimo 21 anos. O limite máximo é 75 anos - nesse cálculo, é levado em conta a idade do indivíduo e o tempo de financiamento. Além disso, você deve comprovar que tem renda suficiente para cumprir com o contrato. É possível levar em consideração a renda de duas pessoas, porém é necessário verificar a condição de cada banco.

Quanto ao uso do FGTS

Em boa parte dos casos, é possível utilizar o FGTS tanto para dar a entrada num imóvel quanto para abater algum valor das parcelas do financiamento. Mas, para isso, existem algumas regras. São elas: trabalhar ou morar atualmente na cidade onde você planeja comprar uma casa ou apartamento novo; não possuir nenhum outro financiamento ativo no momento; não ser proprietário de nenhum outro imóvel na cidade onde fica o imóvel de interesse; e ter pelo menos três anos não consecutivos de carteira assinada. Além disso, você também vai precisar de outros documentos, como carteira de trabalho, comprovante de residência, carteira de trabalho, CPF, cópia do IPTU e certidão de matrícula do imóvel que você deseja comprar.

Como estão os juros nos principais bancos?

Esse item deve ser analisado em cada banco. No Sistema de Financiamento de Habitação, atualmente, as taxas ficam entre 9,33% e 11,40%, por exemplo. Por isso, ao decidir financiar um imóvel, é importante procurar auxílio de quem entende do assunto.

Esperamos ter conseguido tirar algumas de suas dúvidas. Se você deseja fazer uma simulação de financiamento, basta entrar em contato com a unidade da Guarida mais próxima de você. Com planejamento, pesquisa e empenho, é possível garantir o seu imóvel e realizar o sonho da casa própria ainda este ano.

Sobre o autor

Redação Guarida

Anterior Próximo

Deixe o seu comentário