Agência Virtual

2ª Via de Boleto
Quero conhecer as vantagens da Agência 24 horas

Sustentabilidade

Óleo de cozinha, baterias e medicamentos, você sabe como descartar?

13/05/2014 por Redação Guarida

Óleo de cozinha, baterias e medicamentos, você sabe como descartar?

  Somente 60% do lixo brasileiro terá destino correto em 2014. É o que estima a Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe), O Brasil segue em passos lentos no descarte ideal dos resíduos que consome. Garrafas devem ser descartadas de forma separada? Guardanapo usado é lixo seco ou orgânico? Essas são apenas algumas das perguntas feitas pela população. Sem falar no descarte correto de resíduos específicos, como óleo de cozinha, medicamentos, pilhas e baterias, que também gera dúvidas. Para auxiliar na compreensão de como manusear o lixo, a Guarida Imóveis dá algumas dicas práticas.   O novo Código de Limpeza Urbana de Porto Alegre, que começou a valer em abril, determina diversas penalidades e multas para o descarte incorreto do lixo, até mesmo para a separação do lixo seco e orgânico. Porém, há outro tipo de lixo que causa questionamentos na população: o lixo eletrônico. Produtos eletrônicos, inclusive pilhas, podem conter substâncias que causam danos à saúde como mercúrio, níquel, chumbo, entre outros materiais na sua combinação. Quando descartados de maneira errada, correm o risco de contaminar o solo e, consequentemente, os alimentos que chegam às mesas. O ideal, é verificar na embalagem do produto o local correto para seu descarte. A Lei municipal nº 9.851/2005 obriga comerciantes e redes de assistência técnica que a distribuem ou comercializam pilhas, a recebê-las de volta.   Outra questão essencial é o óleo de cozinha, que quando colocado em local inapropriado causa entupimentos, além de outros danos ao meio ambiente. É importante lembrar que a Prefeitura de Porto Alegre disponibiliza postos de coleta para esses resíduos. Além de dificultar a troca de gases entre a água e a atmosfera, o descarte incorreto do lixo é o grande causador das maiores agressões ambientais sofridas pelo planeta e pela sociedade, pois o tempo de decomposição de alguns resíduos pode ser de até 400 anos, como é o caso de uma simples garrafa pet. Medicamentos também inspiram cuidados na hora do descarte. Algumas farmácias recolhem os remédios vencidos e dão o seu destino correto.

Sobre o autor

Redação Guarida

Próximo

Deixe o seu comentário

Indique este post

Por favor, preencha os dados abaixo: