Agência Virtual

2ª Via de Boleto
Quero conhecer as vantagens da Agência 24 horas

Aluguéis

Dividir moradia: 5 dicas para economizar e evitar conflitos

19/12/2018 por Redação Guarida

Dividir apartamento ou casa exige algumas regras de convivência e organização para manter a harmonia no ambiente compartilhado. Veja algumas dicas!

Quem disse que dividir apartamento ou casa é só coisa de estudante? Hoje, é cada vez mais comum pessoas de diversas idades optarem por compartilhar moradia. Estima-se, por exemplo, que 63% dos brasileiros já vivenciaram ou topariam se adaptar ao estilo da cohousing ou coliving, forma de moradia onde espaços e recursos comuns são compartilhados.

A tendência existe não apenas por questões econômicas: trata-se de uma mudança de comportamento. Além de pagar aluguel mais barato e dividir as contas, jovens e adultos desejam agora mais mobilidade, liberdade e a possibilidade de trocar experiências com pessoas de fora da família.

No entanto, não importa a idade e quem fará parte do novo lar: é preciso sempre criar algumas regras de convivência e manter a organização financeira para que a harmonia entre os moradores seja mantida. Veja 5 dicas que separamos para você:

1 - COM QUEM DIVIDIR

Boa convivência é tudo! Antes de escolher o seu roomate, avalie muito bem o perfil da pessoa. Amigos muito próximos e íntimos ou desconhecidos com gostos e senso de organização muito diferentes dos seus podem não ser uma boa opção. Prefira alguém com uma rotina de trabalho ou estudos parecida com a sua. Afinal, a pessoa também precisa acordar cedo no dia seguinte, como você, não vai ficar até tarde fazendo barulho, por exemplo.

2 - COMPRA DOS MÓVEIS

Se o imóvel for mobiliado, aproveite para utilizar o que já está na casa ou apartamento. Lembre que, no aluguel, você está pagando por esta facilidade.

Agora, se o imóvel vier vazio, o mais indicado é que cada integrante pague por um artigo necessário para o funcionamento da casa. Assim, na hora de mudar ou dividir as coisas, não será necessário separar valores e cada um leva embora o que pagou.

3 - ADMINISTRAÇÃO DE GASTOS

O ideal é que compras básicas, como arroz, feijão, óleo, papel higiênico e produtos de limpeza sejam divididas igualmente. Afinal, são produtos utilizados por todos da casa. No entanto, itens mais supérfluos, como queijos, iogurtes e produtos de higiene pessoal podem ser pagos à parte. Lembre-se: sempre que for fazer comida, ofereça aos demais moradores. E se consumir algo que não é seu, reponha.

4 - LIMPEZA E ORGANIZAÇÃO

Comprou algo que estava faltando? Anote e apresente os valores no final do mês, quando todos forem dividir o pagamento do aluguel, condomínio e as contas de água, luz e gás. Quanto à limpeza, se não for possível um acordo entre quem prefere limpar a cozinha, o banheiro e demais cômodos, faça um sorteio e estabeleça um cronograma semanal. Lavou roupa ou sujou a louça? Recolha assim que secar e lave logo após terminar a refeição. Assim, os ambientes se mantém sempre organizados para o próximo a usar.

5 - FESTAS E NAMORADOS, PODE?

Claro que você pode receber amigos e pessoas com quem se relaciona. Só tome cuidado para não extrapolar os limites e tornar o visitante mais um morador da casa. Avise sempre que for receber alguém e, se a reunião for um pouco mais agitada, respeite os horários de descanso dos demais e tente arrumar tudo até o dia seguinte.

Caso precise de ajuda para encontrar um apartamento para alugar em Porto Alegre, acesse nosso site e confira as melhores ofertas! Teremos prazer em ajudar você a encontrar o imóvel ideal!

Leia também: Os melhores bairros para estudantes em Porto Alegre.

Sobre o autor

Redação Guarida

Anterior Próximo

Deixe o seu comentário

Indique este post

Por favor, preencha os dados abaixo: